Última hora

Última hora

Violência urbana: Chirac avisa que os que transgridem têm de pagar

Em leitura:

Violência urbana: Chirac avisa que os que transgridem têm de pagar

Tamanho do texto Aa Aa

Na primeira declaração solene do presidente Jacques Chirac, sobre a violência urbana em França, ficou patente que há um problema de integração nos bairros periféricos e há uma falta de controlo policial dos motins. Chirac justifica, por isso, o prolongamento do estado de emergência.

“Quando se pertence à comunidade nacional, respeitam-se as regras. As crianças e adolescentes precisam de valores e de castigos. A autoridade parental é imprescindível. Os que a recusam devem ser responsáveis. E os que recusam as normas devem ser castigados como a lei prevê. Por outro lado, os que vivem em dificuldades devem ser apoiados. O que aqui está em jogo é o respeito da lei e o sucesso das políticas de reintegração”.