Última hora

Última hora

Greve geral em Itália

Em leitura:

Greve geral em Itália

Tamanho do texto Aa Aa

Um movimento de greve geral começou, esta manhã, em Itália, com a paralisação dos caminhos de ferro. O protesto, contra os cortes orçamentais previstos pelo governo de Sílvio Berlusconi deve afectar particularmente os transportes aéreos. A companhia Alitália viu-se obrigada a anular 230 voos, 125 dos quais internacionais.

Desde a chegada de Sílvio Berlusconi ao poder em 2001, esta é a sexta greve geral que o país enfrenta. Além dos transportes também os bancos, escolas, hospitais ou fábricas aderiram ao protesto que dura 4 horas no sector privado e oito no público. De acordo com os compromissos de Roma em Bruxelas o governo tem de reduzir o déficit orçamental que é de 16,5 mil milhões de euros tendo apostado na limitação de despesas públicas, na privatização e na luta contra a evasão fiscal. Os sindicatos defendem que estas medidas vão degradar ainda mais os serviços e pesar sobre uma economia que praticamente estagnou nos útlimos quatro anos.