Última hora

Última hora

Julgamento de Saddam Hussein recomeça hoje

Em leitura:

Julgamento de Saddam Hussein recomeça hoje

Tamanho do texto Aa Aa

O julgamento de Saddam Hussein recomeça esta segunda-feira depois de ter sido adiado por 40 dias a pedido da defesa. Dois advogados internacionais reforçam a defesa de Saddam: o antigo procurador americano, Ramsey Clark, e o ex-ministro da justiça do Qatar Najeeb al-Nauimi.

A defesa pede um julgamento justo, fora do Iraque, num tribunal internacional, como reivindicam alguns grupos de defesa dos direitos humanos. O recomeço do julgamento é ainda marcado pelas questões da segurança. Durante a pausa de quarenta dias dois advogados de Saddam foram assassinados e várias testemunhas ameaçadas de morte. Na abertura da primeira sessão, a 19 de Outubro, Saddam Hussein, que é acusado de crimes contra a humanidade apresentou-se como presidente legítimo do Iraque, questionou a legitimidade do tribunal e declarou-se inocente. Muitas são as vozes que acusam Saddam de massacres em massa e tortura durante décadas mas, em termos legais, e por enquanto, o ex-ditador vai responder pelo assassínio de 148 xiitas em Dujail, a norte de Bagdade, em 1982.