Última hora

Última hora

Intensifica-se resistência em Falluja e Ramadi

Em leitura:

Intensifica-se resistência em Falluja e Ramadi

Tamanho do texto Aa Aa

Depois da insurgência em Ramadi, esta tarde foi a vez de os rebeldes marcarem presença em Falluja. Pelo menos 10 soldados americanos morreram e 11 ficaram feridos na sequência da explosão de um engenho artesanal colocado na à beira da estrada.

Em Ramadi, os Estados Unidos desvalorizaram o que se passou ontem, mas o certo é que hoje 300 militares americanos e 200 soldados iraquianos lançaram uma operação para destruir a actividade da guerrilha. Chama-se “Operação Shank” e é a última desencadeada pelas forças ocupantes com vista a acabar com a insurgência na província de Anbar, o coração da resistência iraquiana. Ontem, um grupo de insurgentes ocupou a cidade de Ramadi. Atacaram uma base militar americana, um edifício governamental, ocuparam as ruas e distribuiram panfletos pela população que asseguravam a tomada de Ramadi pelos rebeldes da al-Qaida, liderados no Iraque por Abu Musab al-Zarqawi. O exército americano garante que poucas horas depois tudo voltou à calma e os rebeldes dispersaram. Habitantes da cidade afirmam que esta sexta-feira não há sinais de insurgentes pelas ruas.