Última hora

Última hora

O Ulster disse adeus a George Best nas ruas de Belfast

Em leitura:

O Ulster disse adeus a George Best nas ruas de Belfast

Tamanho do texto Aa Aa

A morte de George Best uniu os norte-irlandeses na emoção e na paz. Nas ruas de Belfast, milhares de pessoas reuniram-se para prestar a última homenagem ao famoso futebolista. Todos os símbolos da discórida político-religiosa foram retirados. Foi em clima de serenidade que o cortejo percorreu as principais artérias da capital, partindo da residência da família Best.

As exéquias fúnebres tiveram amplitude nacional e um carácter de quase funeral de Estado. A cerimónia oficial decorreu no grande hall do Parlamento, um espaço onde os políticos não entram há três anos, desde que foi suspensa a assembleia. O corpo encontra o seu repouso final no cemitério de Roselawn, nas colinas dos arredores de Belfast, onde ficará sepultado ao lado da sua mãe Anne. Apesar das temperaturas glaciares e da chuva, os irlandeses do Ulster não quiseram deixar de acompanhar este antigo goleador do Manchester United, símbolo nacional de uma Irlanda que se quer afirmar no mundo. George Best faleceu no passado dia 25 de Novembro, num hospital de Londres, vítima do tipo de vida que levou. O homem que ganhou o título de melhor jogador europeu do ano de 1968 não conseguiu fintar a morte que se serviu do álcool para lhe roubar a vida aos 59 anos.