Última hora

Última hora

Manifestação contra TGV entre Lyon e Turim reúne 40 mil pessoas

Em leitura:

Manifestação contra TGV entre Lyon e Turim reúne 40 mil pessoas

Tamanho do texto Aa Aa

A mobilização contra a linha ferroviária de alta velocidade entre Lyon e Turim reuniu, esta quinta-feira, mais de 40 mil pessoas no Vale de Susa, nos Alpes Italianos.

O protesto ficou marcado por alguns pequenos confrontos entre manifestantes e a polícia em Venaus, o local onde a obra deverá começar do lado italiano. Por isso, o governo destacou mais de mil agentes da polícia anti-motim para reforçar o contingente policial que já se encontra na zona. Os confrontos tiveram lugar quando a multidão se aproximou do estaleiro. As forças da ordem lançaram gás lacrimogéneo, mas os manifestantes conseguiram ocupar o local. Já na terça-feira passada uma carga policial causou duas dezenas de feridos ligeiros, algo que chocou a Itália e reforçou a determinação dos manifestantes. Nas últimas semanas, os protestos, apoiados por políticos locais, têm subido de tom. Aliás, uma grande manifestação nacional está marcada para Turim no próximo dia 17. Porém, apesar da amplitude da contestação, o governo Berlusconi mantém-se irredutível na intenção de fazer avançar o eixo ferroviário de alta velocidade entre Lyon e Turim.