Última hora

Em leitura:

Justiça dá razão a activistas anti OMG's


mundo

Justiça dá razão a activistas anti OMG's

“Uma grande vitória” para os que combatem os OGM’s foi assim que os activistas franceses receberam a decisão do Tribunal de Orleans que absolveu 49 pessoas acusadas de destruição de pés de milho geneticamente modificado.

A empresa visada que pediu penas de três meses de prisão para os acusados diz que vai recorrer da setença mas os activistas não desarmam: ““não deve haver OGM’s nos nossos campos e é de facto o sentido deste julgamento que nos anima a continuar e a influenciar o debate político para que enfim os OGM’s desapareçam”, declarou um activista. O Tribunal considerou que o grupo “agiu para responder ao perigo da difusão incontralada de genes provenientes de organismos geneticamente manipulados cuja dessiminação foi legalmente autorizada pelo governo francês em contradição com o Direito Constitucional a um ambiente saudável”. A empresa norte-americana Monsanto alvo da acção dos activistas reclama perto de 400 mil euros pela destruição de duas parcelas de milho em Agosto de 2004.
Saiba mais:

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Gotovina detido em Espanha