Última hora

Última hora

Chile renova quadro política e mlher é favorita na corrida à presidência

Em leitura:

Chile renova quadro política e mlher é favorita na corrida à presidência

Tamanho do texto Aa Aa

Oito milhões e duzentos mil chilenos são chamados este domingo às urnas para renovar o quadro político do país. Para além do presidente, os eleitores deverão escolher os 120 deputados e 20 dos 38 membros do Senado, pois foram eliminados os postos de senadores vitalícios estabelecidos pelo ex-ditador Augusto Pinochet.

O presidente cessante, Ricardo Lagos, deixa um país com um crescimento económico invejável, estimado em 6% este ano, mas que não beneficia a todos os chilenos. Mesmo assim a herança favorece a candidata da Consertação democrática. A socialista Michele Bachelet é a favorita na corrida presidencial e poderá torna-se na primeira mulher na história do Chile a chegar à chefia do Estado. Bachelet tem, segundo as sondagens, larga vantagem face aos rivais: Sebastian Piñera, candidato da direita moderada, e o ultra-conservador, Joaquin Lavin. Se nenhum dos candidatos presidenciais conseguir mais de 50% dos votos está prevista uma segunda volta em Janeiro.