Última hora

Última hora

Três explosões seguidas de incêndio lançaram o pânico no norte de Londres

Em leitura:

Três explosões seguidas de incêndio lançaram o pânico no norte de Londres

Tamanho do texto Aa Aa

Eram seis da manhã quando o estrondo acordou a população da localidade de Buncefield, a 40 quilómetros a norte da capital britânica, temendo-se o pior.

As deflagrações deram-se no principal centro de distribuição de combustível para aviões que abastece os quatro aeroportos que servem a capital. Trinta e nove feridos, um dos quais em estado grave, é o balanço emitido pelo hospital de Hemel Hempstead onde a maioria das pessoas deu entrada com cortes e contusões provocadas pelos estilhaços de vidros e queda de paredes. Os habitantes relataram um forte estremecimento das suas casas imediatamente a seguir às explosões num raio superior a três quilómetros e um cheiro muito intenso de gás. Uma espessa nuvem de fumo estende-se ainda a várias dezenas de quilómetros, a circulação está cortada nas principais vias e várias habitações foram evacuadas. Centenas de pessoas acordadas pelo estrondo sairam para a rua a tentar compreender o que se passa. Nas instalações de Buncefield trabalham centenas de pessoas durante a semana mas este domingo apenas dez trabalhadores se encontravam no interior, todos foram recuperados são e salvos.