Última hora

Última hora

Bolívia: Evo Morales vence eleições presidenciais

Em leitura:

Bolívia: Evo Morales vence eleições presidenciais

Tamanho do texto Aa Aa

O socialista Evo Morales, antigo produtor de folhas de coca e opositor da política norte-americana na região, terá conseguido mais de 50 % dos votos nas eleições presidenciais da Bolívia, o que representa maioria absoluta.

Durante a campanha, Morales mostrou-se determinado a acabar “com 500 anos de dominação da descedência branca europeia na Bolívia, mas prometeu igualdade e justiça para todos. Promete mudanças na política pró-americana. Advoga o fim da erradicação do cultivo de folhas de coca e defende a nacionalização de sectores chave da economia como a industria do gás. Morales, que vai ser o primeiro presidente indio do país, é partidário do ideal de Simon Bolivar de construir a grande pátria sul-americana. É amigo de chefes de Estado como Hugo Chavez e Fidel Castro, ambos opositores de Washington. O rival mais directo, o conservador Jorge Quiroga, reconheceu a derrota, “felicitou Morales e o MAS pela vitória e saudou o povo boliviano que encarou o sufrágio de forma tranquila e pacífica.” A maioria da população vê em Morales uma esperança no sentido de uma evolução das condições de vida naquele que é considerado o país mais pobre da América do Sul.