Última hora

Última hora

Britânicos podem escolher o hospital onde querem ser tratados

Em leitura:

Britânicos podem escolher o hospital onde querem ser tratados

Tamanho do texto Aa Aa

Uma reforma no sistema de saúde britânico permite, a partir de hoje, que os pacientes possam escolher entre um hospital público ou privado. A única condição neste processo é que o tratamento não seja mais caro que o do sistema nacional de saúde. “É um grande passo para o sistema de saúde. Cerca de nove milhões e meio de pessoas serão afectadas por estas medidas” explica a ministra da Saúde, Patricia Hewit.

Segundo o governo os hospitais serã obrigados a um melhor desempenho uma vez que serão financiados em função do número de doentes tratados o que os obrigará a elevar a qualiadde dos serviços para atrair mais clientela. A oposição duvida: “temos assistidos a investimentos colossais no sistema nacional de saúde que somos obrigados a perguntar porque é que os britânicos têm de se sujeitar a percorrer o país em busca de qualidade,” comenta Steve Webb, deputado Liberal Democrata. Os detractores da reforma receiam que os hospitais menos populares sejam obrigados a encerrar por falta de dinheiro e os mais financiados fiquem sujeitos a longas listas de espera.