Última hora

Última hora

Activistas armados do Fatah semeiam caos em Rafah e em Gaza

Em leitura:

Activistas armados do Fatah semeiam caos em Rafah e em Gaza

Tamanho do texto Aa Aa

Militantes armados do movimento palestiniano Fatah começaram a destruir, com uma escavadora, um troço do muro que marca a fronteira entre a Faixa de Gaza e o Egipto. Também apedrejaram e ocuparam quatro edifícios oficiais da Autoridade Palestiniana, entre eles o da Comissão de Eleições e o do terminal de Rafah. Agrava-se a situação de segurança a três semanas das legislativas, marcadas para 25 de Janeiro.

Os activistas armados apoderaram-se de uma escavadora da Câmara de Rafah e dirigiram-se para a fronteira com o Egipto, onde arrancaram parte do muro, em protesto pela detenção de um militante do movimento pela polícia palestiniana. Várias dezenas de apoiantes juntaram-se no local, disparando para o ar. Os egípcios enviaram soldados para a fronteira, mas apenas como prevenção. Também foram disparados roquetes palestinianos para território israelita. Uma estação de serviço foi atingida e, segundo as fontes militares israelitas, o Tsahal rispostou com tiros de artilharia em direcção de sectores desabitados, no Norte da Faixa de Gaza.