Última hora

Última hora

Nazarbaiev investido presidente mas pairam no ar acusações de fraude eleitoral

Em leitura:

Nazarbaiev investido presidente mas pairam no ar acusações de fraude eleitoral

Tamanho do texto Aa Aa

Nursultan Nazarbaiev tomou posse, hoje, como presidente do Cazaquistão. À cerimónia assitiram delegações de mais de 70 países, incluindo os presidentes da Rússia e Ucrânia, representantes europeus e de organizações internacionais.

No início de um novo mandato de sete anos, Nazarbaiev promete servir o povo, respeitar as leis e a Constituição, e garantir os direitos e liberdades dos cidadãos. Um juramento feito cerca de um mês depois de ter sido reeleito, com 91 por cento dos votos. A eleição foi marcada por acusações de falsificação de resultados e fraude eleitoral e, mais uma vez, não foi reconhecida pela OSCE. A cerimónia decorreu no palácio de Ak Orda na capital Astana, ao som de um novo hino nacional, cuja letra, da autoria do presidente, exalta os feitos do povo cazaque na luta pela independência. Nursultan Nazarbayev, com 65 anos, está no poder há 16. O antigo líder da era soviética aproveitou a ocasião para enumerar os avanços democráticos registados sob seu comando. A oposição denuncia, pelo contrário, a tendência para a ditadura. O Cazaquistão, país da Ásia Central, têm registado um forte crescimento económico, baseado nas reservas petrolíferas, mas este beneficia só uma minoria dos quase nove milhões de habitantes.