Última hora

Última hora

Partido de Sharon continua a liderar sondagens em Israel

Em leitura:

Partido de Sharon continua a liderar sondagens em Israel

Tamanho do texto Aa Aa

Desde que Sharon foi para o hospital, todos os canais de rádio e televisão dedicam a maior parte dos programas a acompanhar os esforços médicos no sétimo andar do hospital Hadassa de Jerusalém, onde o primeiro-ministro israelita permanece internado.

O tempo é dedicado a entrevistas com médicos, que analisam a situação de Sharon, políticos que falam da “nova realidade sem Sharon” e cidadãos comuns que expressam os seus sentimentos “neste momento difícil que estão a viver”. As sondagens continuam a dar a vitória ao Kadima, o partido que Sharon fundou para concorrer às eleições no fim de Março. Se nada mudar, nestes dois meses e meio, Ehud Olmert chefiará o novo governo. A Sharon bastava-lhe pedir a confiança do eleitorado para ter o seu voto; a Olmert falta um trabalho de campanha muito grande, explicando, nomeadamente, o que vai fazer em relação aos palestinianos. Se o Kadima vencer as eleições, o parceiro natural para uma coligação no Knesset (Parlamento) é o Partido Trabalhista, avançam os analistas políticos. É mais fácil fazer uma aliança com o centro-esquerda. O Kadima e os trabalhistas podem somar 60 votos.