Última hora

Última hora

Aumentam os casos de gripe das aves na Turquia e na Indonésia

Em leitura:

Aumentam os casos de gripe das aves na Turquia e na Indonésia

Tamanho do texto Aa Aa

Os especialistas mundiais em gripe das aves exigem medidas urgentes para combater a epizootia. Um pouco por todo o mundo multiplicam-se as reuniões e as conferências sobre a doença. Todos parecem estar de acordo pelo mesmo numa coisa: são necessários fundos internacionais para travar a epizootia e os casos de transmissão dos animais ao Homem.

O vírus provocou mais duas mortes, uma na Turquia outra na Indonésia. Na Turquia, trata-se da irmã dos dois meninos da família de Van, no leste do país, que morreu no dia 6 deste mês. Os exames comprovaram a suspeita, a criança tinha também H5N1. Para além das três vítimas mortais, foram detectados mais 15 casos de contaminação. A FAO, a organização da ONU para a Alimentação e a Agricultura, alerta para o perigo de a doença poder tornar-se endémica na Turquia e ameaçar os países vizinhos. Quase todos estão a tomar medidas de prevenção. No total, desde 2003, já morreram 80 pessoas vítimas da gripe das aves. Até agora, os especialistas são unânimes ao dizer que não há transmissão do vírus entre pessoas. Mas a Organizção Mundial de Saúde (OMS) e o laboratório britânico Mill Hill asseguram que o vírus que infectou uma das crianças turcas apresentava uma mutação similar àquela encontrada nos vírus isolados em Hong Kong em 2003 e no Vietname em 2004. A União Europeia deverá anunciar esta sexta-feira a disponibilidade para apoiar países terceiros na luta contra a gripe das aves.