Última hora

Última hora

UE dá 120 milhões de dólares para fundo de luta contra a gripe das aves

Em leitura:

UE dá 120 milhões de dólares para fundo de luta contra a gripe das aves

Tamanho do texto Aa Aa

Primeiros resultados da conferência de doadores sobre a luta contra a gripe das aves, realizada sob égide da Organização Mundial de Saúde (OMS), em Pequim.

A União Europeia (UE) vai contribuir com 120 milhões de dólares, cerca de cem milhões de euros. O montante junta-se às contribuições de cada Estado membro. O aumento das contribuições europeias ocorre quando o vírus está às portas do território. Segundo o comissário europeu da Saúde, Markos Kyprianou, “o dinheiro será gasto de diversas formas para lutar contra a ameaça que representa as gripe das aves e prevenir uma pandemia mundial”. A OMS diz que precisa de mais de 1,2 mil milhões de dólares para financiar o plano global de luta nos próximos três anos, baseado, sobretudo, numa rede de detecção e prevenção rápida para minimizar os efeitos catastróficos de uma eventual pandemia. Na Turquia, o vírus já obrigou ao abate de quase um milhão de aves e ameaça sectores económicos, como a criação de aves e o turismo. O chefe do governo turco, Recep Tayyip Erdogan, lançou um apelo para que as pessoas não cedam ao pânico e continuem a comer aves e ovos produzidos em recintos fechados, de forma a defender milhares de postos de trabalho. Apesar dos abates e medidas de prevenção, o número de vítimas continua a aumentar. A Indonésia regista já 14 mortes. Na Turquia há 21 casos, incluindo quatro mortes. As principais vítimas são as crianças, em contacto directo com as aves doentes.