Última hora

Última hora

Arquivos de Franco regressam a Barcelona, alcaide de Salamanca recusa

Em leitura:

Arquivos de Franco regressam a Barcelona, alcaide de Salamanca recusa

Tamanho do texto Aa Aa

A guerra civil espanhola voltou à memória dos espanhóis esta manhã. Depois de alguns meses de protestos, 500 caixas com arquivos do regime franquista foram transferidas de Salamanca para Madrid e depois seguem para Barcelona. Mas o assunto não foi pacífico, o alcaide não queria que os papeis saíssem de Salamanca e foi necessária a intervenção da polícia para garantir o transporte das caixas.

O alcaide de Salamanca, bem como mais de 80 por cento dos cidadãos d Castela e Leão segundo as sondagens, considera que os documentos fazem parte do património da cidade. Foi pedido ao Tribunal Constitucional que se pronunciasse sobre a questão mas por enquanto nada e as autoridades centrais retiraram mesmo as 500 caixas de Salamanca. No final da Guerra Civil em 1939, os documentos estavam em Barcelona e foram levados para Salamanca, a cidade que Franco queria utilizar para capturar comunistas e membros da Maçonaria, com recurso aos documentos em questão. Nos últimos anos, as autoridades catalãs pressionaram o governo central para que restituísse as caixas a Barcelona, de onde foram levadas há mais de 60 anos. Até agora, o alcaide de Salamanca não ganhou a batalha, espera-se o parecer do tribunal constitucional. O executivo catalão deve tornar públicos os documentos dentro de dias.