Última hora

Última hora

Ehud Olmert convoca reunião de urgência com forças de segurança

Em leitura:

Ehud Olmert convoca reunião de urgência com forças de segurança

Tamanho do texto Aa Aa

Se a maioria dos palestinianos já começou a festejar os resultados eleitorais, em Israel o momento é de reflexão. O primeiro-ministro interino, Ehud Olmert,convocou para o fim da tarde um reunião de urgência com os responsáveis do exército e dos serviços de segurança.

Para Shimon Peres o resultado das eleições palestinianas “é em primeiro lugar um problema para os palestinianos porque o Hamas defende uma guerra unilateral e não uma paz unilateral.” Peres referiu ainda que “a posição israelita não vai mudar e se o Hamas não quiser negociações ou a paz e continuar com as actividades terroristas não vai ter muito apoio nem do exterior, nem de Israel.” O Hamas, que defende a continuação da luta armada e a destruição do Estado de Israel, é o responsável pela maior parte dos atentados terroristas contra os israelitas. Mesmo assim, nas ruas de Jerusalém, ainda há quem considere que enquanto partido político “vai ser mais pragmático e vai tentar encontrar uma solução política” em vez de seguir uma via violenta ou terrorista. Um outro israelita defende antes de mais que “o único objectivo do Hamas é o dedestruir Israel” e pergunta “como é que se pode lidar com alguém assim, que quer, claramente, matar todos os israelitas?” Num momento em que o processo de paz parece regredir, a imprensa israelita questiona-se sobre o que pensaria Sharon deste resultado.