Última hora

Última hora

Alerta às dioxinas na Bélgica, na Holanda e na Alemanha

Em leitura:

Alerta às dioxinas na Bélgica, na Holanda e na Alemanha

Tamanho do texto Aa Aa

A Comissão Europeia lançou um alerta às dioxinas em três países da União.Mais de 650 explorações agropecuárias da Bélgica, da Holanda e da Alemanha estão em quarentena, depois de terem sido detectados altos níveis de dioxina em farinhas animais.A contaminação com a substância cancerígena deu-se devido à utilização de filtros defeituosos durante o processo de extracção da gordura animal para o fabrico das rações. Uma situação que vai afectar o sector, como explica Ivan Dejaegher, responsável da associação belga de produtores de rações animais: “Há quatrocentas explorações que estão bloqueadas. Alguns países exportadores e importadores encerraram o mercado, portanto, isto terá enormes consequências económicas e vão passar anos até restabelecermos a imagem de marca.”

As quintas em quarentena, na maioria explorações suinícolas, mas também aviários, estão impedidas de transportar ou comercializar qualquer produto animal, enquanto esperam o resultado de análises. Porém, como ainda não foi detectada carne contaminada, as autoridades sanitárias dos países em questão não encaram de momento a recolha de produtos dos supermercados.