Última hora

Última hora

Sindicalistas europeus reunidos em Estrasburgo contra directiva Bolkestein

Em leitura:

Sindicalistas europeus reunidos em Estrasburgo contra directiva Bolkestein

Tamanho do texto Aa Aa

Estrasburgo foi o centro da contestação à directiva Bolkestein. Milhares de sindicalistas dos quatro cantos da Europa vieram esta terça-feira até junto do Parlamento europeu para tentar influenciar o debate sobre a liberalização dos serviços

Mónica Frassoni, presidente do grupo dos Verdes no Parlamento europeu, explica que vão votar contra porque a Europa social que defendem não necessita desta directiva. O protesto juntou entre 30 mil e 40 mil sindicalistas e líderes políticos vindos de quase todos os países europeus mas, sobretudo, de França e Alemanha. De Portugal deslocaram-se cerca de 200 pessoas. Anne-Marie Perret, presidente da Federação europeia de Serviços Públicos, contesta a directiva. Afirma que “para se obter mais Europa e mais Europa junto dos cidadãos é preciso criar directivas e textos que sejam compreensíveis e que tragam melhorias para os trabalhadores e para os utentes, os cidadãos”. Os sindicatos consideram que a directiva Bolkestein ataca os direitos sociais dos trabalhadores. O texto foi apresentado no início de 2004 e desde então tem enfrentado muita polémica e sofridos muitos avanços e recuos.