Última hora

Última hora

Bagdade sob recolher obrigatório para evitar guerra civil

Em leitura:

Bagdade sob recolher obrigatório para evitar guerra civil

Tamanho do texto Aa Aa

O recolher obrigatório foi instaurado em Bagdade e em outras três províncias dos arredores. É a mais recente decisão do executivo iraquiano para tentar travar a violência inter-religiosa no país. Há quem fale da iminência de uma guerra civil.

Sexta-feira é dia de oração para os muçulmanos. A polícia tem ordens para deter quem andar na rua até às duas da tarde, hora local. O recolher obrigatório chega na sequência de dois dias de violentos confrontos entre xiitas e sunitas, originados pelo atentado à bomba contra a Grande Mesquita de Samarra, um dos locais de culto xiita mais importantes, no norte da capital. O presidente norte-americano condenou o ataque, afirmou que o objectivo do atentado era criar instabilidade civil. “Foi um acto diabólico, a destruição de locais sagrados são actos políticos” acrescentou George W. Bush. O aeroporto de Bagdad também foi encerrado. As ordens são extremamente claras. O executivo quer evitar qualquer possibilidade de confronto entre as duas comunidades, já que o último balanço oficial dá conta de 130 mortos em vários incidentes depois do ataque de Samarra.