Última hora

Última hora

Gripe das aves: UE apela à calma

Em leitura:

Gripe das aves: UE apela à calma

Tamanho do texto Aa Aa

Tranquilidade, é a mensagem que o executivo francês quer transmitir e que encontra eco nos outros países da União Europeia. O primeiro caso de contaminação com o vírus H5N1 num aviário registado na União Europeia, foi detectado precisamente no departamento de Ain, em França. A União Europeia apela aos parceiros comerciais para não reagirem de forma precipitada.

A localidade de Versailleux teve o triste privilégio de anunciar a destruição de um aviário com mais de 11 mil perus, depois de pelo menos 400 terem morrido vítimas da gripe das aves. O vírus mortal foi detectado já em oito países da União Europeia, onde não houve nenhuma morte humana associada ao H5N1. As autoridades insistem na necessidade de se controlar o receio; se bem cozinhados, a ave ou os ovos não representam um perigo para a saúde humana. No norte da Alemanha, as palavras de ordem para quatro lands onde o vírus foi detectado é desinfecção e confinamento. O secretário do ministro para o desenvolvimento rural e meio ambiente do estado de Brandeburgo, no sul, afirmou que tudo está sob controlo, o plano de acção contra a epizootia foi accionado. O lago Constança, no sul do país, está sob apertada vigilância. É o local de passagem, por excelência, das aves migratórias bem no coração da Europa. Teme-se que se transforme num reservatório para a gripe.