Última hora

Última hora

Dan Brown face à justiça por acusações de plágio do "Código Da Vinci"

Em leitura:

Dan Brown face à justiça por acusações de plágio do "Código Da Vinci"

Tamanho do texto Aa Aa

Um tribunal de Londres decide a partir de hoje se a obra de Dan Brown, “O Código Da Vinci”, é fruto de plágio. A acusação partiu de dois dos autores de “The Holy Blood and the Holy Grail”, obra não-romanceada publicada há 24 anos.Michael Baigent e Richard Leigh acusam Dan Brown de lhes ter roubado a teoria sobre a descendência de Jesus.

Paul Herbert, perito legal, explica que “os editores do Código Da Vinci interrogam-se sobre a queixa e a existência de direitos sobre os factos, pois garantem que tudo o que fizeram foi pegar na base do trabalho original, sobre Jesus e Maria Madalena, e transformá-la num romance”. Ambos os livros centram-se na teoria de que Jesus casou com Maria Madalena, com quem teve um filho, e que a descendência se prolonga até aos nossos dias, com a Igreja Católica a tentar esconder tal facto. Dan Brown vendeu 30 milhões de cópias em todo o Mundo. Se o tribunal der razão aos queixosos será adiada a saída da adaptação cinematográfica do livro, prevista para 19 de Maio na Grã-Bretanha.