Última hora

Em leitura:

Carnaval: motivo de festa mesmo para a cidade de Nova Orleães


mundo

Carnaval: motivo de festa mesmo para a cidade de Nova Orleães

A noite foi de festa e muita competição no sambódromo do Rio de Janeiro. O Carnaval esteve ontem à noite no auge, com a celebração da beleza feminina brasileira. Sessenta mil pessoas assistiram ao desfile do segundo grupo das 14escolas de samba de elite da cidade, mas a vencedora só será conhecida amanhã.

A cidade norte-americana de Nova Orleães recusou baixar os braços seis meses após o furacão “Katrina”. O Carnaval é este ano mais pequeno e mais triste, mas Mardi Gras é festa obrigatória. O presidente da câmara da cidade, Ray Nagin, fala da ocasião como de um novo dia, em que as pessoas se juntam para realizar qualquer coisa de especial, neste caso, celebrar o Mardi Gras, a Terça-feira Gorda. Nova Orleães está longe de ter recuperado. Este ano não recebe um milhão de visitantes. A cidade devastada espera pouco mais de 300 mil turistas.
Saiba mais:

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Sem Mladic na justiça não há negociações