Última hora

Última hora

Hamas em Moscovo à procura de legitimidade internacional

Em leitura:

Hamas em Moscovo à procura de legitimidade internacional

Tamanho do texto Aa Aa

Os dirigentes do Hamas jogam esta sexta-feira a primeira cartada com o objectivo de conseguirem legitimidade internacional. Os líderes do grupo radical que venceu as eleições palestinianas de Janeiro vão encontrar-se com Vladimir Putin no Kremlin.

Tal como a comunidade internacional, o embaixador palestiniano na Rússia, que pertence à Fatah, quer que o Hamas reconheça o Estado de Israel. “Antes o Hamas adoptava o ângulo de quem estava na oposição. Agora eles estão no ângulo que se apresenta no governo. Nesta perspectiva, vão ter uma visão diferente. Não acho que ultrapassem a linha encarnada que eles próprios estabeleceram, mas definitivamente vão dar novas pinceladas na pintura”, refere Bakir abdel Munem. Entretanto, o presidente da Autoridade Palestiniana, Mahmoud Abbas, encontrou-se com o líder do partido trabalhista israelita, Amir Peretz, na ponte de Allenby, na fronteira entre a Cisjordânia e a Jordânia. Os dirigentes concordaram em iniciar conversações de paz se os trabalhistas vencerem as legislativas do próximo dia 28 em Israel.