Última hora

Última hora

Berlusconi dá passo atrás e Prodi volta a aceitar debate televisivo

Em leitura:

Berlusconi dá passo atrás e Prodi volta a aceitar debate televisivo

Tamanho do texto Aa Aa

Ao contrário do que se esperava, vai haver debate televisivo em Itália entre o primeiro-ministro e o líder da oposição.Silvio Berlusconi deu um passo atrás e o rival político aceitou o duelo. Em causa estava, entre outros factores, uma conferência de imprensa de Berlusconi no final do debate.

Romano Prodi considerava que a iniciativa ía desequilibrar tempos de antena em televisão e garantiu que só participava se Berlusconi desistisse da conferência de imprensa. Berlusconi, num programa difundido esta noite na RAI, cedeu às exigências do adversário, disse que renunciava ao que estava previsto e queria ver agora se Prodi deixava de fugir. Falta um mês para as eleições italianas. As sondagens dão a vitória à oposição de centro-esquerda liderada pelo antigo presidente da Comissão Europeia, com uma vantagem de 4,5% em relação a Berlusconi. Para Prodi, esta situação não fazia sentido e diz que a partir de agora as coisas já estão em ordem. Entretanto, outra polémica está na ordem do dia. O Corriere de la Sera, o jornal mais lido em Itália, considerado independente, com uma tiragem superior a 650 mil exemplares, colocou-se frontalmente a favor de Romano Prodi. No editorial é dito que Berlusconi foi uma decepção, algo que deixou os apoiantes do primeiro-ministro furiosos. E para que não restem dúvidas sobre como vai ser o novo boletim de voto, o ministro do Interior fez as honras da casa e mostrou como se pode votar nos dias 9 e 10 de Abril.