Última hora

Última hora

Reformados britânicos estão revoltados com o seu governo

Em leitura:

Reformados britânicos estão revoltados com o seu governo

Tamanho do texto Aa Aa

Os reformados britânicos manifestaram-se contra o governo de uma forma drástica e excepcional: para mostrar que ficam sem nada, protestaram praticamente nus ou em calções, frente ao ministério das Finanças, em Londres.

Acusam o governo de não os ter informado sobre os riscos dos fundos de pensões de empresa. O relatório parlamentar, que ontem foi divulgado, sugere que o governo deve reembolsar as somas perdidas, sete mil milhões de euros. Um dos manifestantes diz que o governo sempre disse que as reformas estavam salvaguardadas, deviam confiar, por isso o governo deve indemnizá-los. Foram postos em causa os ministérios do Trabalho, das Reformas e das Finanças. A mediadora parlamentar Ann Abraham, sublinha que a “adminiustração está em falta, passou informação oficial que levou as pessoas a decidirem num sentido e não noutro, fazendo más escolhas para o futuro”. Entre Abril de 1997 e Março de 2004, 85 mil empregados britânicos perderam parte ou a totalidade das suas reformas em consequências da falência das empresas em que trabalhavam.