Última hora

Última hora

UE aplica sanções contra a Bielorrússia

Em leitura:

UE aplica sanções contra a Bielorrússia

Tamanho do texto Aa Aa

Os Vinte e Cinco vão aplicar sanções contra a Bielorrússia, isso mesmo foi decidido na Cimeira Europeia que terminou esta manhã. Uma Cimeira onde o principal ponto da agenda era a discussão sobre a política energética comum.

Mas os acontecimentos desta noite, em Minsk, com a detenção de cerca de 200 manifestantes levaram Ursula Plassnik, ministra dos Negócios Estrangeiros da Áustria, país que assume a presidência da União, a declarar: “Num continente de sociedades abertas e democráticas, a Bielorrússia é uma triste excepção. O Conselho Europeu decidiu tomar medidas restritivas contra os responsáveis pela violação dos padrões eleitorais internacionais, incluindo o presidente Lukachenko”. As medidas restrititvas, que ainda não foram detalhadas, podem incluir a interdição de vistos ou o congelamento de bens de dirigentes bielorrussos. Os chefes de Estado e de governo da União já tinham previsto tomar uma atitude face à reeleição do presidente Lukashenko, no último domingo, num escrutínio marcado por irregularidades, mas os acontecimentos desta noite precipitaram a decisão.