Última hora

Última hora

Israel: Kadima obrigado a governo de coligação

Em leitura:

Israel: Kadima obrigado a governo de coligação

Tamanho do texto Aa Aa

Um dia depois da vitória com maioria relativa nas legislativas israelitas, o Kadima olha agora para o futuro. Ehud Olmert garantiu a liderança do governo para os próximos quatro anos, num escrutínio que serviu também de referendo ao seu plano unilateral de retirada da Cisjordânia.

O próximo executivo, com Olmert como primeiro-ministro e dominado por um Kadima que já não acredita numa “grande Israel”, terá como imperativo a delimitação das fronteiras definitivas do país. Ao lado de Olmert, Shimon Peres constata que o partido “não obteve força suficiente (no escrutínio) para governar sozinho e portanto terá que formar uma coligação”.