Última hora

Última hora

Charles Taylor enfrenta primeira audiência

Em leitura:

Charles Taylor enfrenta primeira audiência

Tamanho do texto Aa Aa

O ex-presidente liberiano, Charles Taylor, acusado de crimes de guerra e contra a humanidade, enfrentou hoje a sua primeira audiência. Taylor compareceu no Tribunal Especial para a Serra Leoa, em Freetown, depois de uma reunião de cerca de 40 minutos com dois advogados liberianos e dois ganeses, uma equipa internacional para assegurar a sua defesa.

Os advogados manifestaram dúvidas sobre se Taylor poderá ter um julgamento justo, dada a mediatização do caso, o mesmo receio manifestado pelos familiares. O processo deverá continuar em Haia, na Holanda logo que o Conselho de Segurança da ONU aprove a proposta de resolução apresentada pela Grã-Bretanha. Taylor foi detido quarta-feira na fronteira entre a Nigéria e os Camarões. É o primeiro ex-presidente africano a responder por crimes de guerra e contra a humanidade. As acusações referem-se a actos cometidos na vizinha Serra Leoa, com o apoio dado aos rebeldes da Frente Revolucionária Unida (RUF), durante a guerra civil (1991- 2002). Depois de liderar a rebelião contra o regime liberiano, Taylor foi eleito Presidente em 1997, mantendo-se no poder até Agosto de 2003.