Última hora

Última hora

Executivo israelita vota inaptidão de Sharon

Em leitura:

Executivo israelita vota inaptidão de Sharon

Tamanho do texto Aa Aa

Ehud Olmert deixou de ser o primeiro-ministro interino de Israel. Durante uma sessão especial esta terça-feira, o executivo declarou Ariel Sharon inapto e oficializou o líder do Kadima no cargo. Todavia esta nomeação prende-se com o governo cessante, uma vez que Ehud Olmert continua a trabalhar para constituir um gabinete, tendo em conta os resultados das eleições de 28 de Março.

De acordo com a lei israelita, o primeiro-ministro é destituído do cargo ao fim de cem dias de inaptidão para exercer as suas funções. A data cumpre-se na sexta-feira. Ariel Sharon continua em estado de coma e por isso permanece internado no hospital Hadassah de Jerusalém. O ex-primeiro-ministro sofreu um acidente vascular cerebral no dia 4 de Janeiro e desde então foi submetido a várias intervenções cirúrgicas, tendo o seu estado de saúde sido sempre qualificado de “crítico mas estável.” Ariel Sharon é o primeiro chefe do executivo a ser considerado inapto na história de Israel.