Última hora

Última hora

Médicos retiram coração transplatado e repõem o original

Em leitura:

Médicos retiram coração transplatado e repõem o original

Tamanho do texto Aa Aa

Ao fim de dez anos o coração de origem voltou a bater. A medicina continua a fazer milagres e a benção coube a uma criança de 12 anos que vive no País de Gales.

Hannah Clark tinha dois anos quando lhe foi implantado um coração porque sofria de uma cardiomiopatia. Mas a equipa médica, em vez de retirar o orgão doente decidiu mantê-lo em estado latente junto ao novo músculo. Em Outubro passado os médicos britânicos deram conta que a criança tinha começado a rejeitar o coração transplatado e decidiram retirá-lo, recolocando em marcha plena o orgão original que entretanto se curou. Hannah confessa que se sente muito bem e que ficou muito contente quando os médicos tomaram a decisão. A mãe não cabe em si de contente. Afinal nunca pensou que esta situação viesse a suceder. Por isso não deixa de ter uma dívida para com o dador porque se há dez anos não tivesse sido feito o transplante Hanna não poderia ser, hoje, uma criança normal. Hannah foi operada a 20 de Fevereiro num hospital londrino. No Reino Unido este caso é uma estreia e os médicos desconhecem registos de uma situação semelhante no mundo.