Última hora

Última hora

Hu Jintao interrompido por manifestante na Casa Branca

Em leitura:

Hu Jintao interrompido por manifestante na Casa Branca

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente chinês, Hu Jintao, foi recebido por George W. Bush, com honras militares, na Casa Branca. Mas o chefe de Estado foi também acolhido por uma manifestante que conseguiu entrar na área reservada aos jornalistas. No início do seu discurso, Hu Jintao hesitou ligeiramente, ao ouvir as palavras de ordem da mulher.

A manifestante pediu a Bush para impedir o seu homólogo de “perseguir o movimento espiritual Falun Gong” e depois dirigiu-se ao chefe de Estado chinês ao afirmar que este tinha os “dias contados”. No discurso antes da reunião entre os dois presidentes, Hu Jintao assegurou que Pequim vai continuar a reformar o seu sistema de câmbios e que vão ser tomadas medidas para que o acesso ao mercado chinês fique mais facilitado. Por seu lado, Bush declarou pretender um reforço dos laços económicos e uma maior cooperação no domínio da segurança. O líder norte-americano também reafirmou pretender uma resolução pacífica do problema da aspiração independentista de Taiwan. No encontro entre os dois presidentes, neste que é o terceiro dia do chefe de Estado chinês em solo americano, deverão ser abordados outros assuntos espinhosos como a crise nuclear iraniana. Antes de Hu Jintao chegar à Casa Branca, um pequena multidão protestava contra as autoridades chinesas, entre eles membros da Falun Gong e activistas dos Direitos Humanos.