Última hora

Última hora

Judeus assinalam o "Dia da Lembrança"

Em leitura:

Judeus assinalam o "Dia da Lembrança"

Tamanho do texto Aa Aa

O dia da Shoa, que marca o genocído de seis milhões de judeus pelo regime nazi, é hoje lembrado em Israel. Ao som das sirenes todo o país parou durante dois minutos. As diversas cerimónias em memória das vítimas começaram já ontem no Museu Yad Vashem. Este ano a ameaça do Irão sobre Israel ganhou especial destaque nas comemorações.

O antigo primeiro-ministro israelita, Shimon Perez, comparou o presidente iraniano Mahmoud Ahmadinejad a Adolf Hitler fazendo um paralelo entre os campos de extermínio e a bomba nuclear iraniana, acrescentando que Israel “conhece bem as intenções de Teerão”. As cerimónias de hoje concentram-se no Museu do Holocausto a jornada terminará esta noite com actos em honra de combatentes judeus contra o nazismo, muitos dos quais voltaram a Israel. No país residem cerca de 200 mil sobreviventes.