Última hora

Última hora

Khamenei promete retaliações se Estados Unidos atacarem Irão

Em leitura:

Khamenei promete retaliações se Estados Unidos atacarem Irão

Tamanho do texto Aa Aa

A menos de 48 horas da entrega às Nações Unidas do relatório sobre a situação nuclear iraniana, intensifica-se o braço-de-ferro entre Washington e Teerão.O líder supremo da Nação, Ayatolah Ali Khamenei, afirmou que se os Estados Unidos atacarem o país, o Irão responderá na mesma moeda, atacando todos os interesses americanos no mundo.

Citado pela televisão iraniana, o chefe espiritual iraniano ameaçou ainda transferir a sua tecnologia para outros países o que motivou a imediata reacção da secretária de estado dos Estados Unidos Condoleeza Rice. “Temos que ficar preocupados quando o Irão afirma que não só tem conhecimentos sobre tecnologia nuclear como quer partilhá-los” afirmou a chefe da diplomacia norte-americana. No relatório a entregar sexta-feira, El Baradei, director da Agência Internacional de Energia Atómica, deverá confirmar que Teerão não suspendeu o enriquecimento do urânio – uma actividade que tanto permite produzir combustível nuclear como levar à construção de uma bomba atómica. O presidente iraniano afirma que este procedimento visa apenas produzir energia mas a comunidade internacional teme outras intenções. Ahmadinejad mantém que não respeitará qualquer decisão da ONU que prive o país dos seus direitos e ameaça cortar relações com a AIEA se for alvo de sanções internacionais.Os iranianos ameaçam ainda a comunidade internacional com um aumento do preço do petróleo.