Última hora

Última hora

Vítimas de Chernobyl assinalam vigésimo aniversário da tragédia nuclear

Em leitura:

Vítimas de Chernobyl assinalam vigésimo aniversário da tragédia nuclear

Tamanho do texto Aa Aa

Vinte anos passados sobre o desastre na central nuclear de Chernobil, ainda não se sabe ao certo o raio de alcance da contaminação radioactiva e o carácter de mutações que marcarão homens, animais e plantas da Europa Central.É neste cenário de incertezas que hoje foi assinalado o vigésimo aniversário da maior tragédia nuclear civil da história da humanidade.

O presidente ucraniano Viktor Iuchenko prestou homenagem aos bombeiros que morreram a tentar controlar o incêndio ou que acabaram mais tarde por fazer parte da lista dos mortos por radioactividade. Em Kiev o momento exacto em que o reactor número quatro explodiu lançando uma nuvem venenosa nos ares foi assinalado com sinos. Em Slavoutich, pequena localidade perto de Kiev foram as sirenes que lembraram a noite de 26 de Abril de 1986. A catástrofe foi especialmente sentida aqui. Slavoutich foi mais tarde resconstruída para acolher os funcionários da central nuclear que continou a funcionar mais 14 anos, tendo sido encerrada em 2000.