Última hora

Última hora

Roménia e Itália choram soldados mortos no Iraque

Em leitura:

Roménia e Itália choram soldados mortos no Iraque

Tamanho do texto Aa Aa

Foi repatriado o corpo do soldado romeno morto ontem no Sul do Iraque. O presidente Traian Basescu presidiu à cerimónia que teve lugar esta noite no aeroporto militar perto de Bucareste, onde aterrou o avião com o corpo do cabo de 28 anos. No ataque morreram também três soldados italianos e um quarto encontra-se gravemente ferido.

Tudo ocorreu numa estrada no Sudoeste de Nassíria, no Sul do Iraque. Uma bomba explodiu à passagem de uma patrulha. A acção foi reivindicada por dois grupos da guerrilha, um deles ligado à Al-Qaida e a Al-Zarqawi. Os 2600 soldados italianos, estacionados em Nassíria, escaparam há dias a uma outra explosão. Em 2003, morreram 19 “carabinieri” num atentado. Em Itália, voltam-se a ouvir apelos à retirada imediata das tropas, mas Romano Prodi resiste às pressões dos aliados e defende uma retirada gradual em diálogo com as autoridades iraquianas.