Última hora

Última hora

Pischetsrieder reeleito presidente da VW

Em leitura:

Pischetsrieder reeleito presidente da VW

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente executivo da Volkswagen, Bernd Pischetrieder, conseguiu uma vitória ao ser reeleito por mais cinco anos, na assembleia-geral de accionistas, a decorrer em Hamburgo. Conseguiu um voto unânime do Conselho de Fiscalização, derrotando a facção que apoiava o presidente deste órgão, Ferdinand Piech.

Fica aberto o caminho para uma reestrutuuração, como defendeu Pischetsrieder no discurso: “Sabemos bem que, nas condições actuais em que trabalhamos, é difícil manter a competitividade nalguns sectores”.

No centro das discussões está a fábrica de Wolfsburgo, onde está instalada a sede do grupo, uma vez que, aqui, os salários são bastante mais altos que noutras instalações também em território alemão.

Diz um accionista, “não pode ser que em Wolfsburgo uma hora de trabalho custe 55 euros e na Audi, em Ingolstadt, 40 euros. Os custos em Wolfsburgo têem de ser reduzidos – ou prolongando o tempo de trabalho ou reduzindo os salários”.

Apesar das perspectivas de haver novos cortes de salários, Pischetsrieder prometeu não fazer novos despedimentos, o que lhe valeu o voto favorável dos representantes do pessoal.

A Volkswagen está actualmente a passar por um processo, que deve durar três anos, que prevê a eliminação de 20.000 postos de trabalho na Alemanha.