Última hora

Última hora

Lucros recorde para BASF

Em leitura:

Lucros recorde para BASF

Tamanho do texto Aa Aa

A BASF apresentou resultados bastante acima das expectativas, relativamente ao primeiro trimestre deste ano. O grupo químico alemão prevê um ano de 2006 excepcional, depois destes números.

Motivos de sobra para o tom optimista do presidente executivo Juergen Hambrecht, na Assembleia-Geral do grupo: “No ano passado, prometi-vos que a BASF continuaria esta história de sucesso. Cumprimos o que prometemos. em 2005, registámos o melhor resultado da história do grupo”.

Nos primeiros três meses deste ano, a BASF viu as vendas crescerem 24% em relação ao mesmo período do ano passado, para os 12,5 mil milhões de euros. Os lucros estiveram também em alta. O resultado antes de impostos subiu 19%, enquanto o lucro líquido teve um aumento de 10% para os 950 milhões de euros.

O último trimestre fervilhou, em termos de aquisições, para o grupo alemão. Fez uma oferta de 4 mil milhões de euros para a compra do fabricante norte-americano de catalisadores Engelhard, que a administração desta empresa rejeitou, e fez ainda duas compras de peso: a filial de produtos químicos para construção do grupo Degussa e o fabricante norte-americano de resina Johnson Polymer.

O grupo comprou ainda cerca de 400 milhões de euros em acções próprias. Os títulos da BASF subiram, depois dos anúncios desta quinta-feira.