Última hora

Última hora

Mittal admite subir valor da OPA à Arcelor

Em leitura:

Mittal admite subir valor da OPA à Arcelor

Tamanho do texto Aa Aa

O milionário indiano Lakshmi Mittal, patrão do grupo Mittal Steel, está disposto a subir o valor da OPA lançada à número um europeia do sector, Arcelor, se a administração recomendar a aceitação da oferta por parte dos accionistas.

Mittal espera assim que os executivos e os principais accionistas da Arcelor mudem a atutude, que até agora tem sido de recusa. No entanto, o milionário frisa que não acredita que o grupo europeu valha mais que o dinheiro até agora oferecido.

A OPA da Mittal, em dinheiro e acções, avalia a Arcelor, sediada no Luxemburgo, em 21,7 mil milhões de euros. No entanto, o actual valor de mercado é de 23 mil milhões, uma vez que o preço das acções tem vindo a subir.

Ao querer comprar a Arcelor, Mittal quer formar um gigante de dimensões globais, capaz de produzir mais de 100 milhões de toneladas anuais de aço.

É a primeira vez que o indiano fala num possível aumento do preço da OPA. Os analistas apontam para um valor que pode ir dos 35 aos 40 mil milhões de euros.

Outra arma de Mittal é o empresário francês François Pinault, que Mittal quer colocar no Conselho de Administração. Mittal quer também que o CA do novo grupo tenha igual número de membros da Mittal Steel e da Arcelor.