Última hora

Última hora

Gordon Brown recusa convite de Blair para o suceder

Em leitura:

Gordon Brown recusa convite de Blair para o suceder

Tamanho do texto Aa Aa

A sucessão de Blair continua a fazer correr muita tinta. O Sunday Times cita, na edição deste domingo, fontes de Downing Street que dão conta da recusa de Gordon Brown de suceder ao primeiro-ministro britânico.

De acordo com o semanário, Blair propôs ao ministro da Economia que o substituísse entre o início do Verão de 2007 e o final de Setembro do mesmo ano, para quando está agendado o congresso anual do Partido Trabalhista, mas Brown recusou o convite por considerar tratar-se de uma armadilha. O Sunday Times escreve ainda que o chefe da pasta da Economia receava que tal acordo o obrigasse a apoiar o primeiro-ministro em algumas reformas controversas sem qualquer garantia real. Também o The Independent destaca este domingo o cenário da saída de Blair em meados de 2007, escrevendo que o primeiro-ministro britânico comunicou a vários dos seus ministros a sua decisão de se fazer substituir por Brown por volta do Verão de 2007. No poder há mais de nove anos, Tony Blair afirmou antes das legislativas de Maio de 2005 que não tencionava apresentar-se uma quarta vez perante os eleitores, mas que tencionava cumprir na totalidade o terceiro mandato.