Última hora

Última hora

Vinte filmes procuram em Cannes o código de acesso à Palma de Ouro

Em leitura:

Vinte filmes procuram em Cannes o código de acesso à Palma de Ouro

Tamanho do texto Aa Aa

Chuva de Estrelas na Croisette para a abertura do 59o Festival de Cinema de Cannes. Monica Belucci, Tim Roth e Samuel L. Jackson são alguns dos ilustres membros de um júri que este ano tem como presidente, pela primeira vez, um realizador chinês, Wong Kar Wai.

As vedetas da abertura do festival foram os membros da equipa do Código Da Vinci, filme projectado extracompetição. São eles o autor do “best-seller” e produtor executivo da fita, Dan Brown, os actores principais Tom Hanks, Audrey Tatou e Jean Reno, e o realizador Ron Howard. A apresentação do júri coube a um actor da casa, Vincent Cassel, que depois acolheu Wong Kar Wai. O realizador lançou um “bonsoir” antes de se exprimir na sua língua materna e explicar que preside a um júri, sem ideias pré-concebidas nem defender nenhum país ou causa. Contudo, afirmou representar todos os cineastas do seu país. Por fim, os presentes aplaudiram de pé Sidney Poitier. O actor americano de 79 anos teve a honra de declarar aberto o festival de cinema mais prestigiado do mundo.