Última hora

Última hora

Sismo na Indonésia provoca a saturação dos hospitais de Jogjakarta

Em leitura:

Sismo na Indonésia provoca a saturação dos hospitais de Jogjakarta

Tamanho do texto Aa Aa

Enquanto equipas de resgate procuram vítimas entre os escombros dos edifícios destruídos pelo violento sismo que atingiu a ilha indonésia de Java, médicos e enfermeiros não têm mãos a medir. Muitos hospitais estão completamente saturados e os feridos, aos milhares, acumulam-se no exterior das instalações.

O governo ordenou o envio imediato de tendas, água potável, comida e medicamentos para ajudar os deslocados. O presidente indonésio, Susilo Bambang Yuhoyono, visitará amanhã as zonas afectadas e já enviou para a região os ministros da Saúde e dos Assuntos Sociais. O sismo provocou o pânico entre a população. Muitas pessoas abandonaram os seus domicílios, fugindo para locais elevados devido ao rumor de um possível maremoto que circulava nas ruas. No entanto, o centro de alarme de tsunamis do Pacífico não lançou nenhum alerta. Considerada um dos principais centros turísticos da Indonésia, a cidade de Jogjakarta encontra-se próxima do vulcão Merapi, um dos mais activos do mundo. Os especialistas afirmam que o sismo provocou uma escalada na actividade vulcânica, mas que para já não existe um perigo eminente para as populações locais.