Última hora

Última hora

Timorenses entusiasmados com a chegada do contingente português

Em leitura:

Timorenses entusiasmados com a chegada do contingente português

Tamanho do texto Aa Aa

Centenas de timorenses receberam com entusiasmo os 120 militares da GNR que chegaram esta tarde a Díli. A população espera que o contingente português possa ajudar a trazer a paz e a tranquilidade ao país. Nos últimos meses, Timor-Leste tem vivido os seus piores momentos de tensão desde que se tornou independente há quatro anos.

Em Abril, depois de expulso do exército, um grupo de 600 soldados oriundos da região oeste de Loromono acusou o comando de discriminação a favor de Lorosae, no Leste do país. Os dois grupos entraram em confronto. A violência eclodiu, com a destruição e o saque de casas e edifícios públicos. Os distúrbios causaram, pelo menos, 21 mortos e 120 feridos. Hoje a violência voltou a eclodir mas não se registaram vítimas mortais. A divisão no seio das forças armadas e da polícia nacional abriu caminho a uma crise político-militar.O governo de Timor-Leste pediu a ajuda de alguns países para ultrapassar a crise. Os australianos formam a maioria das forças de manutenção da paz e comandam também o contingente da Malásia. Portugal não quis ficar sob o comando da Austrália.Setenta mil pessoas permanecem em campos de refugiados com medo de regressar a casa.