Última hora

Última hora

Irão apresenta contra-proposta aos incentivos internacionais

Em leitura:

Irão apresenta contra-proposta aos incentivos internacionais

Tamanho do texto Aa Aa

O Irão considera que alguns incentivos da comunidade internacional para parar o enriquecimento de urânio são inaceitáveis e por isso vai apresentar contra-propostas.

Cinco membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU e a Alemanha apresentaram um pacote de incentivos às autoridades. O chefe da diplomacia europeia, Javier Solana, foi na terça-feira a Teerão apresentar as propostas ao ministro dos Negócios Estrangeiros iraniano. Na quinta-feira, o presidente Mahmoud Ahmadinejad rejeitou os incentivos pois não quer abdicar do que considera ser um direito dos iranianos ao processo de enriquecimento de urânio. Agora, o Irão vai preparar contra-propostas. O presidente egípcio recebeu este domingo o principal negociador iraniano do dossiê nuclear, Ali Lariyani, que é também secretário-geral do Conselho Supremo de Segurança. Isto apesar de as relações entre os dois países nem sempre serem as melhores. O Egipto é um dos principais aliados dos Estados Unidos no mundo árabe e assinou os acordos de paz com Israel em 1979. Mas o presidente Hosni Mubarak vai também reunir-se com o secretário-geral da Liga Árabe. E talvez por isso, ainda no Cairo, o chefe da diplomacia iraniana aproveitou para apelar publicamente aos Estados islâmicos para que sigam o exemplo do Irão e tentem produzir energia nuclear.