Última hora

Última hora

Despesas militares aumentam nos Estados Unidos e diminuem na Europa

Em leitura:

Despesas militares aumentam nos Estados Unidos e diminuem na Europa

Tamanho do texto Aa Aa

A guerra nunca vendeu tanto. Um relatório revelado ontem em Estocolmo aponta para um crescimento de 3,4% das despesas militares mundiaispara um nível recorde de 885 mil milhões de euros.Mas há disparidades regionais. Só os Estados Unidos gastaram quase metade deste montante. E enquanto na Europa, a despesa diminuiu, no Médio Oriente aumentou sobretudo graças ao orçamento da defesa saudita.A divulgação destes dados coincide com a inauguração da feira internacional de armamento terrestre nos arredores de Paris. Um responsável da Lockheed Martin, fabricante de mísseis norte-americano, descreveu as vantagens da última tecnologia em matéria de mísseis..“Muito mais capacidade para nos defender na guerra global contra o terrorismo e muito mais precisão , sem efeitos colaterais reais. Podemos atingir o alvo de forma muito mais precisa que antigamente.”, disse John Ward.

Segundo o relatório, a Europa foi a única região onde as despesas militares diminuíram, o que levou a ministra francesa da Defesa, Michèle Alliot Marie, a considerar que alguns países da União não gastam o suficiente em matéria de defesa, numa alusão à Alemanha e a Itália.