Última hora

Última hora

ETA pede envolvimento directo da França

Em leitura:

ETA pede envolvimento directo da França

Tamanho do texto Aa Aa

A ETA pediu hoje, em comunicado, o envolvimento directo do Governo francês na resolução do conflito no País Basco. A organização armada, que anunciou o cessar-fogo permanente dia 22 de Março, já por outras vezes fez este apelo; sem obter qualquer resposta de Paris. No mesmo comunicado, publicado no jornal pró-ETA Gara, a organização separatista afirma-se disponível para levar até ao fim o processo iniciado com o cessar-fogo. A zona do País Basco estende-se a França, país onde se encontram detidos 150 membros desta organização separatista. No documento, agora tornado público, a ETA afirma que continuará a luta e os conflitos pelos seus direitos, naquele país. Até agora, o Estado francês apenas tem prestado apoio às autoridades espanholas na detenção de membros da organização no seu território. No último mês, o governo espanhol tem enfrentado críticas, por parte do principal partido da oposição, pela sua disponibilidade em iniciar negociações com os separatistas bascos. No passado domingo, manifestantes em Madrid protestaram contra a posição de Zapatero.