Última hora

Última hora

União Europeia desbloqueia dinheiro para palestinianos

Em leitura:

União Europeia desbloqueia dinheiro para palestinianos

Tamanho do texto Aa Aa

A promessa da União Europeia de ajuda financeira aos palestinianos começa a cumprir-se. A Comissão confirmou, esta sexta-feira, o desbloqueio de 105 milhões de euros, que deverão chegar aos territórios palestinianos no princípio de Julho.

A ajuda não passará pelos cofres do governo do Hamas. 40 milhões de euros, destinados a pagar facturas de electricidade, petróleo e água serão geridos directamente pela Comissão; os 10 milhões de euros destinados aos cuidados de saúde e os 40 milhões destinados à ajuda social serão administrados pelo Banco Mundial. O quarteto para o Médio Oriente – União Europeia, Estados Unidos, Rússia e ONU pôs em marcha um mecanismo para levar esta ajuda directamente aos cidadãos evitando o contacto com o governo.

Por enquanto só a União Europeia deu andamento à promessa de ajuda financeira, mas Bruxelas espera que países como a Noruega, a Suíça, o Canadá ou o Japão venham também a contribuir e pede ao governo israelita que retome as transferências das receitas fiscais interrompidas desde que o Hamas chegou ao poder. Apesar da falta de dinheiro, os territórios palestinianos receberam sempre ajuda humanitária.