Última hora

Última hora

Hollywood perde um dos seus filhos dilectos

Em leitura:

Hollywood perde um dos seus filhos dilectos

Tamanho do texto Aa Aa

Aaron Spelling tinha 83 anos e morreu ontem ao final do dia na sua casa de Los Angeles. Ele era o rei das séries televisivas e o seu trabalho marca a história da cultura americana e a da sua influência no mundo. O nome de Aaron Spelling consta no livro dos recordes, o Guiness, como o produtor televisivo mais prolifico do mundo.

Alguns dos maiores êxitos do pequeno ecrã pertencem-lhe, como “Starsky e Husk”,“Os Anjos de Charlie, “O Barco do Amor”, “Dinastia” e “A Ilha da Fantasia”. Muitos dos argumentos eram escritos por outros mas o seu dedo esteve sempre presente, influenciando o desenrolar da história ou traçando o perfil das personagens. Entre os sucessos mais recentes contam-se Charmed, Melrose Place e Beverly Hills 90210, que contava com a sua filha no elenco. De acordo com o produtor o seu epitáfio deveria ser: “O pai de Tori, o marido de Candy e o produtor dos Anjos de Charlie.”