Última hora

Última hora

Forgeard pode viver últimos dias na EADS

Em leitura:

Forgeard pode viver últimos dias na EADS

Tamanho do texto Aa Aa

Chegou a altura do tudo ou nada para Noel Forgeard, co-presidente executivo do consórcio europeu de aeronáutica EADS e antigo homem-forte da Airbus.

Forgeard, envolvido num negócio polémico com acções, está debaixo de fogo desde que os atrasos nas entregas do Airbus A380 causaram uma queda a pique nos títulos da EADS. O presidente da República francesa, Jacques Chirac, juntou-se ao coro de críticas, embora sem referir nomes: “A EADS está a enfrentar alguns problemas relacionados com a Administração, nomeadamente, com a estrutura de dois presidentes executivos e dois não-executivos. Há problemas, como vimos, com o A380 e também com outros aparelhos”.

Termina em breveo prazo dado pelo governo francês, que representa uma parte importante do capital, para que a EADS apresente uma nova estrutura de administração. O mais provável é que o actual organograma, que prevê dois presidentes executivos, um alemão e um francês, seja abandonado, e Noel Forgeard deixe a empresa.